Funcionamento

A Rede Europeia de Geoparques é uma associação europeia agindo democraticamente e governada pelos representantes de todos os membros.

Apenas na segunda década após a sua fundação, a Rede Europeia de Geoparques continua a adotar certas regras operacionais para a rede, para refletir o espírito aberto e democrático que caracterizou a sua criação.

A Rede Europeia de Geoparques formou duas estruturas operacionais. O Comité de Coordenação é responsável pela operação e gestão da rede, enquanto que o Comité Consultivo dá aconselhamento sobre o desenvolvimento e expansão da rede dentro de padrões de elevada qualidade.

Um Coordenador e um Vice-Coordenador são eleitos pelos membros do Comité de Coordenação, a fim de apoiar as actividades da rede entre as sucessivas reuniões do Comité de Coordenação.

A Célula de Coordenação da rede está localizada na Reserva Geológica de Haute-Provence), na França.

1. Estrutura da EGN

1.1 – O Comité de Coordenação (CC)

O Comité de Coordenação é a única comissão com poderes de decisão da EGN (REG). O Comité de Coordenação é composto por dois representantes de cada parceiro na Rede Geoparques Europeus, um deles sendo geólogo (que utiliza uma ampla definição do termo) com experiência na protecção do património geológico e / ou promoção, e o segundo sendo um administrador de geoparque ou um especialista em desenvolvimento local / envolvimento comunitário / turismo. O CC reúne-se regularmente, pelo menos duas vezes por ano, sempre num Geoparque diferente, para discutir o progresso da rede e coordenar os programas e atividades conjuntas entre os membros. O Comité de Coordenação examina candidaturas aos Geoparques Europeus e é o único competente para conceder esse estatuto para a zona requerente.

1.2 – O Comité Consultivo (CC)

O Comité Consultivo é constituído por especialistas em desenvolvimento sustentável, valorização e promoção do património geológico. Estes especialistas incluem representantes das zonas que originalmente iniciaram a EGN (REG), mais os membros eleitos e representantes de estruturas internacionais que trabalham na área da valorização do património geológico (UNESCO, IUGS, IUCN). O Comité Consultivo aconselha sobre todas as questões relacionadas com a estratégia, relações externas e a nomeação e integração de novas zonas dentro da rede. O AC não tem capacidade de decisão.

1.3 – Os representantes oficiais para a EGN

Após integrar a EGN (REG), um geoparque deve nomear dois representantes oficiais para o Comité de Coordenação do EGN(REG) (CC). Estes representantes devem estar totalmente familiarizados com o processo de candidatura do seu território (para os representantes que não ajudaram com o desenvolvimento do seu dossier de candidatura). Um dos representantes oficiais do novo geoparque ao CC EGN(REG)  deve ser um geólogo. O outro representante oficial deve ser responsável em desenvolvimento económico / administrativo / gestão (incluindo turismo). Um subsituto oficial também deve ser nomeado, cujo papel será o de participar de reuniões quando um dos candidatos oficiais não puder participar.

2. Regras operacionais gerais

Todas as atividades realizadas pelo Geoparques têm que ser num espírito de complementaridade com os outros membros da Rede Europeia de Geoparques. Especialmente nas áreas do desenvolvimento de programas de geoturismo comuns e na criação de novos produtos relacionados com o património geológico, todos os Geoparques Europeus têm que trabalhar juntos a fim de melhorar a sua imagem comum, em especial no desenvolvimento de destinos turísticos sustentáveis e em atrações especiais. Cada membro terá direito a utilizar o logotipo e a designação de Geoparque Europeu na sua comunicação, contribuindo assim ao longo do tempo para a criação de uma imagem comum de qualidade, ligando a valorização do património geológico e o desenvolvimento sustentável.

2.1 – As reuniões da EGN

A CC da EGN(REG) reúne pelo menos duas vezes por ano (uma vez em associação com o encontro anual aberto). É obrigatório participar em todas estas reuniões. Uma explicação para qualquer ausência antecipada de uma reunião do CC deve ser fornecida à Célula e aos coordenadores. Enquanto algumas reuniões do CC podem ser financiadas por fundos particulares, por exemplo, por uma subvenção da UE, mesmo que um geoparque não seja parceiro nesse projeto, ainda assim é obrigado a comparecer à reunião do CC. É obrigatório que os dois representantes oficiais compareçam a todas as reuniões do CC. Se, por algum motivo, um dos representantes oficiais não puder comparecer, o substituto nomeado oficialmente desse geoparque pode participar. Neste caso, a Célula e os coordenadores devem ser avisados com antecedência sobre qualquer reunião do CC. Além disso, dois membros de cada geoparque são obrigados a participar, mesmo que um deles seja o substituto. No entanto, em nenhuma instância podem participar os três representantes de um geoparque numa reunião do CC.

2.2 – Relatórios

Um breve relatório de progresso deverá ser apresentado um mês antes de cada reunião das atividades do CC, resumindo o que foi feito nesse geoparque em relação ao período anterior. O período de entrega do relatório é o período de tempo entre as reuniões do CC, ou, para os novos membros, o período de tempo entre a sua adesão e a sua primeira reunião do CC. O relatório deve detalhar as atividades sobre o seu trabalho dentro da rede, por exemplo, em projectos comuns, bem como eventos específicos, atividades e projetos no seu próprio geoparque. O relatório deve ser enviado por e-mail para o membro EGN (REG) atualmente coordenando relatórios de progresso. Todos os meses de Março, os membros da EGN (REG) apresentam um relatório anual que inclui as principais realizações do ano anterior, o qual será publicado no site da EGN (REG).

2.3 – Agenda

Antes de cada reunião, uma proposta de agenda e o formulário de inscrição serão distribuídos por e-mail. É da responsabilidade de cada membro responder a esses e-mails e participar em todas as discussões que possam surgir a partir deles. Para as importantes decisões estruturais e outras sobre o funcionamento da Rede, tem de ser distribuída uma proposta escrita a todos os membros pelo menos um mês antes da reunião do CC. Nenhuma conversa ou decisão sobre tais itens pode ser realizada a menos que tenha sido incluído na agenda da reunião.

2.4 – Atas

2.4.1 – As atas das reuniões do CC incluem as decisões acordadas pelo CC e, como tal, constituem os documentos oficiais da EGN (REG). O projecto de acta da reunião anterior do CC deve ser distribuído a todos os membros do CC da EGN (REG) até um mês após a reunião e será formalmente aprovado na reunião seguinte do CC da EGN (REG).

2.4.2 – Cada novo membro deve familiarizar-se com a ata da reunião do CC anterior, de modo a estarem em condições para compreender as discussões dentro da rede e de serem capazes de fazer uma contribuição positiva na sua primeira reunião do CC.

3 – Comités da EGN (REG)

3 .1 – O Comité de Coordenação

O CC inclui 2 representantes oficiais nomeados de cada geoparque, além do representante da UNESCO, IUGS e IUCN. Todas as decisões da rede, incluindo a admissão de novos membros, são tomadas apenas pelo CC. A UNESCO detém o direito de veto sobre qualquer decisão do CC. Não há quota nacional de representação no CC da EGN (REG) embora os direitos de voto estejam limitados a 5 Geoparques por país, ou seja, um máximo de 10 votos por país. Se houver mais de 5 geoparques em qualquer país, então cabe aos representantes desses geoparques acordarem entre si a distribuição dos seus 10 votos. IUCN e IUGS não têm direito a voto no CC.

3.2 – O Comité Consultivo

O AC é composto por representantes de alguns dos membros fundadores da EGN (REG), em reconhecimento da sua experiência e conhecimento sobre geoparques, juntamente com outros indivíduos indicados com conhecimentos específicos nas áreas de património geológico e / ou o desenvolvimento económico sustentável. O AC aconselha tópicos específicos de discussão dentro da rede, incluindo a admissão de novos membros, mas não tem a capacidade de tomar decisões para a rede. As três posições dentro da AC são reservados para Guy Martini, Nickolas Zouros e Andreas Schüller como representantes dos membros fundadores. Se uma dessas pessoas deixa o AC, por qualquer motivo, a sua posição não será automaticamente transferida para outro indivíduo do seu geoparque, mas estará sujeito a eleições pelo CC. Duas posições dentro da AC são reservadas para os coordenadores eleitos. Uma posição no AC é automaticamente reservada para a UNESCO, um é reservado para IUGS e um para IUCN. As posições restantes dentro do AC são eleitas pelos membros do CC por um período de dois anos.

3.3 – Coordenador e Vice-coordenador

O papel destas posições é coordenar a vida e crescimento contínuo da rede. As posições são eleitas pelo CC por um período de dois anos. Não há limite para o número de vezes que um indivíduo pode ser reeleito para estas posições. As posições atuais, reeleitas em março de 2013, são mantidas por Nickolas Zouros (Coordenador) e Kristin Rangnes (Vice-coordenador).

3.4 – Célula da EGN (REG)

A célula de coordenação é o escritório de contato oficial para a EGN (REG). A célula coordena a distribuição de informações sobre a rede e atua como o ponto de contacto inicial para novos e aspirantes a membros.

3.5 – Catalisadores e Grupos de Trabalho

Nas reuniões da CC da EGN (REG), grupos de trabalho podem ser criados para avançar com documentos de trabalho ou projetos num determinado item de discussão. Normalmente, os grupos de trabalho são compostos por 5 ou 6 membros do CC que se voluntariaram para participar neste trabalho. Os Catalisadores também podem ser selecionados para avançar com os trabalhos sobre um tema específico. Estes são os indivíduos que voluntariamente concordaram em coordenar alguma discussão ou atividade dentro da rede. Os grupos de trabalho e catalisadores são cruciais para o fortalecimento da rede e é da responsabilidade de todos os membros do CC da EGN (REG) a participação activa nestas posições.

3.6 – Redes temáticas

As Redes temáticas dentro da EGN (REG) foram formadas em resposta à necessidade de reforçar a colaboração entre os Geoparques em questões de interesse comum. Os temas dessas redes são baseados nas características geológicas de cada Geoparque, que podem tornar-se numa base para o desenvolvimento de atividades comuns dos membros do grupo. Uma questão importante deve ser a ligação entre o local (paisagem, geoformas e geossítios) e atividades humanas (cultura, tradição local, alimentos, etc.) Cada rede temática se reunirá durante a reunião do CC da EGN (REG) e no segundo dia de cada reunião apresentará um relatório ao CC da EGN.

Para cada rede temática, um membro da Comissão de Coordenação será nomeado como catalisador. Os catalisadores devem ter a experiência necessária em operação na EGN (REG). Isso significa que eles devem ter pelo menos 3 anos no CC da EGN (REG).

Todas as posições acima são totalmente voluntárias e são apoiadas financeiramente a partir da entidade que é representada por cada indivíduo.

4. Logotipos e Mapa

4.1 – Após a atribuição da qualidade de membro da EGN (REG), um geoparque tem o direito de usar o logotipo da EGN (REG) no seu material promocional e tem o direito de chamar-se Geoparque Europeu. Muitos comentários foram feitos a respeito da qualidade de reprodução do logo EGN (REG) e foi decidido pela CC que o logotipo permanecerá inalterado para um futuro previsível. Após a atribuição da qualidade de membro da EGN (REG), um geoparque também tem o direito de usar o logotipo apropriado da Rede Global de Geoparques Nacionais. Estes logotipos só devem ser usados em produtos produzidos diretamente pela administração do geoparque. Todos os geoparques são obrigados a verificar os regulamentos sobre o uso destes logos e podem solicitar orientações da Célula da EGN (REG).

4.2 – A UNESCO tem regras muito restritas sobre o uso do seu nome e do seu logotipo oficial, devendo ser solicitada autorização diretamente, para o uso do seu nome e logotipo.

4.3 – O mapa da EGN (REG) reproduzido na revista da EGN (REG) foi produzido pelo Geoparque Europeu de Lesbos e está disponível para todos os membros da EGN (REG). Quaisquer imprecisões sobre a localização do geoparque neste mapa devem ser encaminhados diretamente para a equipa em Lesbos, que terá o prazer de fazer qualquer alteração para os membros.

5 – Organização Interna da EGN (REG)

5.1 – Organização Interna da EGN (REG)

A EGN (REG) é uma organização que entrou em acordos juridicamente vinculativos, em nome dos seus membros, com outras organizações como a UNESCO. No entanto, a EGN (REG) não tem financiamento interno nem nenhuma posição na sua administração, como presidente, o secretário-geral, tesoureiro, etc… O racional por trás disso é incentivar todos os membros da rede para serem igualmente ativos dentro da rede para seu benefício próprio. É para incentivar uma divisão equitativa de responsabilidades dentro da rede e para evitar gastar tempo em tarefas administrativas desnecessárias que exigiriam algum apoio financeiro dentro da rede. Por razões semelhantes, não há atualmente nenhuma taxa de adesão à EGN (REG). A Célula da EGN (REG) é financiada inteiramente pelo Geoparque Europeu Reserva Geológica de Haute Provence.

5.2 – Financiamento pela EGN

5.2.1 – O custo das viagens dos membros e seu alojamento durante as reuniões da comissão de coordenação são gerados pelos próprios membros individuais. O comité reúne-se duas vezes por ano e a participação de dois representantes por cada geoparque em todas as reuniões é obrigatório.

5.2.2 – O território anfitrião de uma reunião paga a subsistência a todos os representantes oficiais. A cada ano, em uma ocasião, uma reunião do comité de coordenação coincide com a abertura da Conferência Anual da Rede Europeia de Geoparques, que dá a todos os membros a oportunidade de receber novos membros, aconselhar e discutir com os potenciais candidatos.

5.2.3 – Cada membro tem também de pagar uma taxa promocional anual (€ 1000) para os custos de publicação e distribuição da revista da EGN (REG) e outras atividades promocionais da EGN (REG). Cada membro receberá 200 exemplares da revista.

5.2.4 – Cada membro tem também de pagar o custo da viagem, alojamento e subsistência para os dois especialistas que vão levar na missão de revalidação do território a cada quatro anos (ou dois, no caso de cartão amarelo), após uma decisão do comité de coordenação da EGN (REG). Note-se que como a EGN (REG) faz parte da Rede Global de Geoparques, um ou os dois re-avaliadores podem vir de fora da Europa.

6. Comunicação Interna

6.1 – E – Mail

Fora das duas reuniões por ano da CC da EGN (REG), a vida da rede é mantida em grande parte através da correspondência de e-mail. A correspondência de e-mail’s entre e dentro dos membros da EGN (REG) é considerado em todos os casos confidencial e, portanto, não deve ser transmitida ou copiada para qualquer um que não está na lista de e-mails oficial da EGN (REG). Muito cuidado deve ser tomado para que a lista de e-mails utilizado pela EGN (REG) seja sempre actual. Todos os membros do CC da EGN (REG) serão notificados imediatamente de quaisquer alterações nesta lista de e-mails.

6.2 – Página da EGN (REG) “www.europeangeoparks.org”

A página web da EGN (REG) é a principal ferramenta de comunicação da Rede. A página da EGN (REG) fornece todas as informações sobre o funcionamento e operação da rede através do progresso dos membros, relatórios anuais e links para todos os sites membros, bem como para as aplicações dos novos membros. Todos os membros devem vincular o seu site no site da EGN (REG) www.europeangeoparks.org . Todos os membros são responsáveis ​​pela melhoria do site comum da EGN (REG), atualizando a sua apresentação e comunicando as suas atividades e notícias.

7. Comunicação e promoção da EGN (REG)

7.1 – As actividades de comunicação

Todos os membros devem comunicar à EGN (REG) as atividades e desenvolvimentos, especialmente para a sociedade local, e participar nas atividades promocionais comuns da EGN (REG). Cada membro é responsável pela promoção das atividades da EGN (REG) e os membros através dos média, exposições, publicações, etc

7.2 – Fórum Nacional

Os membros do mesmo país devem organizar um fórum nacional, a fim de coordenar as atividades promocionais da EGN (REG) a nível nacional. Todos os membros devem comunicar as atividades e desenvolvimentos da EGN (REG), especialmente para a sociedade local e participar nas atividades promocionais da EGN.

7.3 – Revista da EGN

A revista da EGN (REG) é o principal instrumento de promoção da rede e é publicado anualmente. Os membros da EGN devem fornecer toda a contribuição e apoio necessário para a criação de ferramentas de promoção comuns (ou seja, enviar artigos para a revista EGN (REG), fornecendo fotos, contribuições para livros ou folhetos), bem como para a sua distribuição e promoção.

7.4 – Espaços Geoparque

Todos os membros são responsáveis pela atual rede, bem como pelos restantes membros através do “Espaço Geoparques”, que deve ser organizado no principal centro de turismo (museu, centro de interpretação, etc) de cada geoparque. Um Espaço Geoparques é uma montra promocional fornecendo informações, imagens, folhetos, produtos etc… de todos os membros da EGN (REG).

8 – Atividades comuns da EGN (REG)

Todos os membros devem participar de atividades comuns da EGN (REG). Todos os membros devem também participar em propostas da EGN (REG) para a realização de atividades comuns através de fundos da União Europeia.

8.1 – Semana Europeia de Geoparques

A semana EGN (REG) é o festival anual organizado por todos os membros da EGN (REG) durante o verão para promover os Geoparques. A apresentação do programa à EGN (REG) e do relatório sobre os resultados é obrigatório para todos os membros. Enquanto a maioria dos membros organiza a semana EGN (REG), durante o mesmo período que a maioria dos outros membros, alguns geoparques, por razões locais, podem querer mantê-lo numa data diferente durante o período de 1 de Maio a 31 de Agosto.

8.2 – Conferência Anual

A Conferência Anual é promovida todos os anos num membro diferente da EGN (REG) e é a atividade de extensão principal da EGN (REG) adrões de elevada qualidade.

Cada membro deve contribuir para a Conferência Anual aberta da rede, apresentando uma comunicação oral ou poster sobre realizações, atividades e experiências do Geoparque.

8.3 – Curso Intensivo de Geoparques

A EGN / GGN (REG/RGG) organiza anualmente um Curso Intensivo de Geoparques que incide sobre geoconservação, gestão e operação do geoparque, desenvolvimento do geoturismo, atividades de ensino e desenvolvimento local.

Este curso intensivo é aberto também para indivíduos com um grau de terceiro nível em ciência, proveniente de organizações não-membros.

8.4 – A colaboração dos Membros

Todos os membros devem colaborar uns com os outros numa base bilateral ou multilateral, através da organização de atividades comuns, troca de conhecimento de causa, acordos de geminação, publicações comuns, apresentação de iniciativas de geoturismo, produtos locais, etc